Terça, 07 de Dezembro de 2021
37°

Nuvens esparsas

Paulo Afonso - BA

Brasil SERGIO MORO

União Brasil maior partido do pais conclui que Moro é única 3ª via possível.

Partido, no entanto, ainda sonha em compor chapa com o ex-juiz; neste cenário, Mandetta poderia ser vice.

24/11/2021 às 16h06
Por: Redação Fonte: D4
Compartilhe:
ACM Neto e Sergio Moro uma possivel dobradinha na Bahia - Foto Rede Sociais
ACM Neto e Sergio Moro uma possivel dobradinha na Bahia - Foto Rede Sociais

A cúpula do União Brasil, fruto da fusão entre o DEM e o PSL, que se tornou a maior bancada do pais, concluiu nesta 3ª feira (23.11.2021) que a única 3ª via possível nas eleições presidenciais de 2022 é a do ex-juiz da Lava Jato e ex-ministro da Justiça Sergio Moro.

Como ficou a Fusão DEM/PSL= UNIÃO BRASIL:

• DEM: 28 deputados e 6 senadores, incluindo o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG).

• PSL: 54 deputados e 2 senadores. Se considerados os números atuais dos dois partidos, a fusão deixaria o União Brasil com um total de 82 deputados. A segunda maior bancada é a do PT, com 53 deputados.

No Senado, o União Brasil contaria com 8 parlamentares e seria a quarta maior bancada, atrás de MDB (maior bancada, com 15 senadores), PSD, Podemos.

O partido pretendia lançar o ex-ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta ao Palácio do Planalto em 2022, mas ele deverá abrir mão da disputa. Filiado ao DEM, o nome de Mandetta havia sido aventado tanto pelo seu atual partido quanto pela legenda futura como opção viável para a disputa eleitoral, mas a entrada de Moro no jogo inviabilizou sua possível candidatura.

Mandetta avalia agora concorrer a deputado federal por Mato Grosso do Sul. Ele já exerceu o cargo entre 2011 e 2018 e não disputou as últimas eleições. Naquela época, queria deixar a política. Meses depois, porém, foi nomeado pelo presidente Jair Bolsonaro para o Ministério da Saúde e ganhou protagonismo com o início da pandemia no Brasil.


O União Brasil, porém, ainda sonha em compor a chapa com Moro e pode indicar o ex-ministro para a vice. Integrantes da cúpula do novo partido nunca deixaram de conversar com o ex-juiz. No início, havia uma pequena esperança de que poderiam convencê-lo a integrar a legenda. Quando Moro oficializou sua ida ao Podemos, porém, as conversas passaram a girar em torno da composição de chapa. Esses diálogos devem, inclusive, se intensificar a partir de agora.

Estiveram presencialmente no encontro:

- o ex-prefeito de Salvador ACM Neto, atual presidente do DEM e secretário-geral do União Brasil;

- o deputado federal Luciano Bivar (PE), presidente do PSL e presidente do União Brasil;

- o governador de Goiás, Ronaldo Caiado (DEM);

- o deputado federal Elmar Nascimento (DEM-BA);

- o ex-ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta (DEM);

- e o presidente do PSL em Brasília, Antonio Rueda, vice-presidente do União Brasil.

Como ficou a Direção partidária do Uniao Brasil

No processo, também, foram aprovados os cargos de direção da nova legenda. Luciano Bivar, líder do PSL, vai ser o presidente do União Brasil. ACM Neto, que presidia o DEM, vai ser o secretário-geral da sigla:

• presidente: Luciano Bivar (PE)
• 1º vice-presidente: Antônio Rueda (PE)
• vice-presidente: José Agripino Maia (RN)
• vice-presidente: Isnard de Castro e Silva Filho
• vice-presidente: Ronaldo Caiado (GO)
• vice-presidente: José Carlos Inojosa
• vice-presidente: Maria Auxiliador Seabre Rezende (TO)
• vice-presidente: Rodrigo Gomes Furtado (PE)
• vice-presidente: Mendonça Filho (PE)
• vice-presidente: José Geraldo Vechione (PE)
• vice-presidente: Davi Alcolumbre (AP)
• vice-presidente: Cristiano Bivar (PE)
• vice-presidente: Bruno Soares Reis (BA)
• secretário-geral: ACM Neto (BA)
• tesoureira: Maria Emília Rueda (PE)

Candidatura à Presidência

A fusão  formou o maior partido do País, ao menos em números na bancada da Câmara e valores do fundo partidário: 82 deputados federais, 7 senadores, 3 governadores e R$ 160 milhões de fundo.

Em entrevista à CNN em 27 de setembro, o presidente nacional do DEM, ACM Neto, afirmou que a fusão tem como prioridade “lançar um candidato à Presidência da República”. Porem agora o partido está em negociação e pode vir a apoiar Sergio Moro.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Paulo Afonso - BA Atualizado às 15h03 - Fonte: ClimaTempo
37°
Nuvens esparsas

Mín. 23° Máx. 36°

Qua 36°C 23°C
Qui 35°C 23°C
Sex 36°C 22°C
Sáb 35°C 22°C
Dom 35°C 23°C
Horóscopo
Áries
Touro
Gêmeos
Câncer
Leão
Virgem
Libra
Escorpião
Sagitário
Capricórnio
Aquário
Peixes
Ele1 - Criar site de notícias